O mestre Susumu Suzuki nasceu em Hokkaido no dia 10 de setembro de 1945, iniciando seu caminho no BUDO na cidade de Takikawa.

Mais tarde, ingressa na Universidade Rissou e começa a praticar o Karatê-Dô Wado-Ryu sob a direção do Mestre Jironori Otsuka, sendo observado por muitas vezes, pelo próprio fundador, o Grande Mestre Hironori Otsuka, com o qual teve a oportunidade de efetuar muitos treinamentos.

Em junho de 1966, é graduado 1º Dan de Faixa Preta.

Em 1968 é promovido ao 2º Dan, tornando-se técnico da Universidade Rissou em 1970.

Em 1971, é promovido ao 3º Dan de Faixa Preta de Karatê-Dô Wado-Ryu. Com essa graduação, é escolhido para ser um dos titulares da equipe matriz Wado-Ryu de competição.

Continuando seu árduo treinamento que envolvia não só o técnico mas também o filosófico e espiritual, atingiu em 1974 a graduação de 4º Dan, recebendo também a distinção de Árbitro Nacional Japonês e de Professor Internacional.

 


Mestre Susumu Suzuki "Kihon no Kata"
 

Mestre Susumu Suzuki "Wan-shu Kata"

 

O Mestre Susumu Suzuki, durante sua estada no Japão, foi um exímio competidor entre muitos campeonatos que participou e foi campeão.

Dentre títulos em campeonatos citamos:

 

Em abril de 1975, veio para o Brasil a convite da Wado-Kai do Brasil (São Paulo-SP), assumindo os cargos de Diretor Técnico e Árbitro Coordenador, e também foi responsável pela Academia Wado-Kan (Pinheiros-SP).

Hoje, a Kii-Kuu-Kai tem ramificações em quase todos os Estados brasileiros, inclusive em países da América do Sul e Central. Aqui no Brasil, as regiões mais fortes em que a Kii-Kuu-Kai atua é São Paulo (capital) liderada pelo Prof. Antônio Cosme Iazzette D´Ellia, em Araraquara (interior) e região liderada pelo Prof. Ivon da Rocha Dedé; em Minas Gerais, é liderada pelo Prof. José Grácio Gomes Soares e sediada na cidade de Três Corações, abrangendo a região e inúmeras cidades, possuindo também outros professores em cidades de regiões noroeste do Estado como Prof. Paulo de Tarso, Profª. Cássia Abadia Campos etc.

 

"Após seu retorno ao Japão por problemas de doença, instalou-se em Hokkaido (terra natal), e dois anos após veio a falecer (1996). Após alguns meses, a Federação Japonesa de Karatê "Nihon Karate Renmei" foi notificada do trabalho que esse mestre desenvolveu no Brasil quando da atuação da Kii-Kuu-Kai na América do Sul. Dessa forma, segundo nos foi informado, essa Federação Japonesa de Karatê o outorgou-lhe o 10° grau póstumo, em reconhecimento ao trabalho desse grande mestre."

 

"Do qual nós nos orgulhamos... Arigato Suzuki Sensei!" (Prof. José Grácio)